Inscrições abertas para o Curso de Formação Sindical na Região Nordeste

Estão abertas as inscrições para o Curso de Formação Sindical da Confederação Nacional das Profissões Liberais (CNPL) na Região Nordeste, nos dias 06 e 07 de abril, "Fórum Sindicalismo, Política e Cidadania". O Curso será realizado em Natal/RN para aperfeiçoar o entendimento dos profissionais liberais da Região Nordeste sobre o movimento sindical e fortalecer o protagonismo sindical nacional. É importante ressaltar que as vagas são limitadas e por isso requer confirmação prévia para participação.

A Confederação pretende abordar a história da organização sindical em nível nacional e internacional; o papel da CNPL no mundo sindical; a importância do movimento sindical no atual cenário político e econômico do País; a atuação da entidade sindical em diversas frentes de trabalho, a exemplo da luta contra as propostas de Reforma Previdenciária e Trabalhista que ameaçam a retirada de uma série de direito dos trabalhadores. Além da própria capacitação, o maior desafio do curso é transformar os participantes do evento em disseminadores de conteúdo junto às categorias de base.

Leia mais...

Em busca da qualificação

Durante dois dias (20 e 21/8), em João Pessoa, dirigentes sindicais de todo o Nordeste e também da região Norte participaram do Fórum Sindicalismo, Política e Cidadania, promovido pela Confederação Nacional das Profissões Liberais – CNPL, com o objetivo maior de obterem maior qualificação, capacitação, formação e atualização para um melhor exercício profissional e maior capacidade de representação laboral.

Para o presidente da CNPL, Carlos Alberto Scvmitt de Azevedo, O Comitê de Formação da entidade, responsável pela formatação e apresentação dos cursos, fóruns e seminários ministrados Brasil afora, têm sido pensados em cima de temas e debates que vêm pautando o excepcional momento pelo qual vem passando o País, em todos os campos.

“As entidades representativas de trabalhadores tem o dever e a obrigação de qualificar, capacitar e atualizar as suas bases atrvés de ações de formação não só de novas lideranças, mas também de novos quadros que tragam a necessária renovação do movimento sindical, que não pode perder o trem da história, ainda mais nesses momentos de profundas e decisivas transformações pelas quais passam as relações de trabalho em todo o mundo”, afirmou Azevedo.

Leia mais...

Abertura do Fórum com direito a homenagem, em João Pessoa

Um auditório repleto de dirigentes de Confederações, Federações, Sindicatos e Centrais de trabalhadores da região Nordeste – e até mesmo da região Norte – prestigiou a abertura do Fórum Sindicalismo, Política e Cidadania, neste dia 20/8, organizado pela CNPL – Confederação Nacional das Profissões Liberais, no Quality Hotel João Pessoa, e que prossegue até amanhã, dia 21.

Ao recepcionar os dirigentes e trabalhadores presentes ao Fórum, o presidente da CNPL, Carlos Alberto Schmitt de Azevedo, fez um histórico da trajetória da entidade, reforçando a força e a importância das profissões e dos profissionais liberais no contexto sócio-político-econômico brasileiro.

“A CNPL, atualmente, possui 28 Federações filiadas, 600 sindicatos na base, que representam 51 categorias profissionais, com cerca de 15 milhões de trabalhadores espalhados por todo o País e que tem na figura da Confederação a sua única e legítima representante, capaz de garantir direitos adquiridos e buscar novas conquistas para um maior e melhor exercício profissional, de acordo com as exigências dos novos tempos”, explicou o dirigente da CNPL.

Leia mais...

CNPL apresenta em João Pessoa, Fórum Sindicalismo, Política e Cidadania

A Confederação Nacional das Profissões Liberais - CNPL, através de seu Comitê de Formação promove, nos dia 20 e 21 de agosto, no Quality Hotel João Pessoa, localizado na Avenida Cabo Branco, 2870, em João Pessoa (PB), um fórum de formação voltado para temas que abordem o universo do Sindicalismo, Política e Cidadania.

A escolha dos temas e debates que pautarão a realização desse curso oferecido pela CNPL tem tudo a ver com o excepcional momento pelo qual atravessa o nosso País, sob qualquer ponto de vista que venha a ser observado.

As carências são tão profundas, as urgências são tamanhas, que no entendimento da entidade, formar novas lideranças sindicais é uma tarefa inadiável e indelegável, mas sem esquecer também do processo permanente de qualificar, capacitar e atualizar os atuais dirigentes sindicais das profissões liberais, para que estes disponham de novas ferramentas que os auxiliem na difícil tarefa de bem representar o trabalhador com eficiência, transparência e dignidade.

Leia mais...

Programação João Pessoa, nos dias 20 e 21 de agosto:

PROGRAMAÇÃO PRELIMINAR

1ºdia 20/08

14h00 – Abertura: Carlos Alberto S. de Azevedo – Presidente CNPL

14h30 – 16h00   Tema 1: “A história dos movimentos sociais e o sindicalismo brasileiro na atualidade  – conquistas e  desafios”; (Reginaldo Inácio)

16h00      Coffee Break

16h15 – 17h30 Tema 2: Desafios e perspectivas, no curto e médio prazo, para a economia brasileira; (A Definir)

17h30 – 19h00 Tema 3: A CNPL e a visão do sindicalismo global; (Luís Eduardo G. Gallo)

19h00      Jantar

2º dia 21/08

09h00 – 10h30  Tema 4 : As entidades sindicais e as transformações no mundo do trabalho (Zilmara Alencar)

10h30    Intervalo

10h45 – 12h00 Tema 5: Análise de Conjuntura/ Ambiente político/ Quem é quem no processo decisório? (André Santos)

12h00 – 13h00 Tema 6: Comunicação e Jornalismo Sindical (Rogério Sampaio)

13h00 – Encerramento/almoço

Debates dominam o 2º dia de realização do Fórum de Atualização Sindical

Intensos debates e ativa participação dos dirigentes na elaboração de propostas para o movimento sindical das profissões liberais deram a tônica do 2º dia do evento

A primeira atividade do segundo dia do Fórum de Atualização Sindical foi a realização da palestra “A CNPL e as Ações para Garantias da Liberdade Sindical, proferida por Amadeu Garrido de Paula,advogado Especialista em Direito Constitucional.

Em sua apresentação, o constitucionalista ressaltou a importância do tema liberdade sindical. “A conquista da liberdade para a realização de suas atividades na plenitude é uma luta inerente ao movimento sindical há décadas. E essa luta ainda não terminou. Hoje vemos o estado ainda intervindo no movimento sindical e a posição da CNPL é a de não permitir nenhuma intervenção do estado na vida dos sindicatos, em plena consonância com o artigo 8º da Constituição Brasileira. Neste aspecto interpomos vários processos no Supremo Tribunal Federal, no sentido de que o Ministério do Trabalho e Emprego se abstenha de intervir nas atividades sindicais”, afirmou Garrido.

Leia mais...